Como uma mesa de trabalho apropriada pode fazer a diferença

Faz treze anos que trabalho em casa, estilo home office. Sei que já falei algumas vezes sobre isso, inclusive em textos que são até hoje campeões de acessos aqui no blog mas , hoje a minha abordagem é um pouco diferente.

Veja também:

Home office um sonho bem real

Férias das crianças chegando e como fica a rotina de uma mãe que trabalha de dentro de casa?

Com o passar dos anos, a chegada de mais um filho e toda a rotina que a vida doméstica nos impõe o meu home office foi ficando mais home e menos office. 

Não preciso nem salientar o quanto disso foi prejudicial para minha vida profissional. As coisas ficavam meio acumuladas no gaveteiro em um canto da sala, e uma mesinha de notebook abrigava meu computador, já a agenda e pastas de trabalho ficavam espalhadas na mureta da escada. Por mais que eu procurasse me organizar acabava me perdendo, pasmem, na falta de espaço!

Antes era mais ou menos assim, isso em um dia organizado.

Espaço nunca foi realmente um problema

Moro em uma casa relativamente grande, minha sala de 31 metros quadrados serve com certa folga três ambientes, uma mesa de jantar, sofá e televisão e uma mesa de trabalho. O que faltava mesmo era uma mesa que ocupasse o espaço disponível e otimizasse o aproveitamento desse espaço.

Eis uma ideia genial

Em meio a uma semana intensa de trabalho, a mureta da sala bombando de pastas e documentos recebi a visita dos meus sobrinhos Miranda (aquela mesma do post do OA) e seu parceiro Raphael.

Reflexo condicionado, imediatamente já fui me desculpando pela bagunça e foi quando ele soltou: “Ei, você não acha que precisa de uma mesa de trabalho maior? Ou melhor, uma mesa, de verdade?”

Black Madeira Atelier

O Rapha é um marceneiro mega talentoso e super competente, daqueles que tem ideias ótimas e antes mesmo que eu dissesse que a mesa que eu gostaria de ter só tinha no Pinterest ele já disparou falando o que dava pra fazer, que era simples e que ficaria lindo. E o melhor: caberia como uma luva no meu modesto bolso!

Imagine só a minha emoção ao presenciar o meu sonho tomando forma!

Uma mesa enorme,que abrigaria meu antigo gaveteiro, e com cavalete igualzinho do Pinterest <3

Que espetáculo de mesa!

O conceito da mesa é bastante simples: para a base o Rapha utilizou o gaveteiro branco que eu já possuía anteriormente e na outra extremidade ele utilizou um cavalete na mesma altura. O tampo é uma porta, dá para acreditar?

Para tanto eu tinha o espaço necessário para abrigar uma mesa nesse tamanho mas com certeza isso pode ser feito nas medidas do seu espaço, é só falar com o Rapha (tem todos os contatos dele no Facebook, clique aqui)  que ele dá um jeito.

A mesa pronta <3

“Pinterestização” do ambiente

Com uma mesa de respeito dessas a minha cadeira  ficou miúda, quase desapareceu! A minha luminária antiga então, envelheceu anos em segundos!

A cadeira giratória vermelha comprei na loja Superlar que fica bem no comecinho da Ana Costa. Não se deixe enganar pela simplicidade da loja, lá foi o único lugar em Santos que achei esse tipo de cadeira nessa cor, achei inclusive em lilás para o quarto da minha filha.

A luminária verde fusquinha comprei aqui no bairro do Marapé mesmo, no Rei dos lustres, paguei bem baratinho e deu um ar vintage na decoração.

Os outros elementos foram garimpados nos meus pertences mesmo. A caneca de Darth Vader, a caixinha quadriculada bem anos 80, a coruja linda ganhei de presente da minha mãe no meu último aniversário e Ganesha celebrando tinha há tempos e ficava escondidinho na estante da sala.

Detalhes que fazem a diferença

O resultado só pode ser sucesso!

Dar novos significados e usos a coisas que estavam paradas, renovar o espaço de trabalho, reorganizar arquivos, fazendo a energia circular, ampliando o ambiente com certeza amplia as possibilidades! Norma de Feng Shui: quando você abre espaço para o novo, eliminando energias negativas, o novo vem com força trazendo com ele coisas boas carregadas de boas energias.

Pode vir felicidade sem fim 2018, estou pronta!

Este serviço foi oferecido pelo profissional.
Textos sobre serviços retratam a opinião da autora após a experiência com este, mesmo que não solicitada.
Esta opinião é independente do profissional, marca ou loja que ofereceu o serviço.
Clique aqui e conheça os  termos de uso  doCaderno de Cabeceira e saiba mais sobre  a nossa política de anúncios.

Anna Carla

Santista ”da gema”. Uma mulher dos anos 50 nascida em 73. Mãe da Sofia desde 2004 e do Joaquim desde 2010. Advogada formada pela Universidade Católica de Santos desde 2001. Costumo dizer que me interessam coisas legais em sentido amplo e estrito. Amo gatos, plantas e vida simples. Escrevo por prazer. Veja o perfil completo.

Comente

pt_BRPortuguese (Brazil)
pt_BRPortuguese (Brazil)
%d blogueiros gostam disto: