vida simples

E foi dada a largada…

O ano de 2016 começou oficialmente.

Quem é mãe vai me entender perfeitamente, aqui o ano só começa de verdade com o início das aulas das crianças.

Depois de aproveitar bem as férias, dormir e acordar tarde, comer guloseimas, passear, brincar, viajar (tirei inclusive uns dias de folga do blog) muita gente demora para retomar o ritmo, e eu vou confessar que disciplina e produtividade não são bem minhas especialidades.

Ano passado fiz lista de resoluções de ano novo e no fim do mesmo ano fiz um balanço dessa lista. Conclui que de que 15 coisas que me propus a fazer , só emplaquei 8. Então decidi que invés de perder tempo listando um monte de coisas (16 talvez?) que desejo fazer (pra depois concluir que não fiz nem metade), vou começar o ano agindo.

Talvez eu esteja influenciada pelo nosso colunista de comportamento, Thales Paiva, que disse que a gente tem que dar própósitoou ainda, tenha chego à conclusão que do alto dos meus quase 43 anos, não tenho tempo pra perder.

Publicidade

Hoje comecei meu ano com o pé direito, acordando cedinho e retomando atividade física, pegando a rotina à unha já que tenho que acordar cedo diariamente porque minha filha estuda de manhã. E assim, sem cobranças coloquei a casa em ordem, para poder trabalhar um pouco no computador agora à tarde.

Não vou mentir, tenho planos para 2016 que é um ano “que promete” já que o blog completa 10 anos, mas achei melhor não listar esses planos. Para diminuir as cobranças e o stress, vou viver 2016 assim, um dia de cada vez, acordando cedinho e resolvendo as coisas na ordem que elas se apresentarem.

Acho que esse texto, é um bom começo para resgatar a veia pessoal do blog que é uma das coisas  que pretendo retomar em 2016, ops! Esqueci que não era pra listar haha!

O que posso garantir é que tô começando com o pé direito, acompanhe por aí que você não vai se arrepender.

Beijo, abraço, aperto de mão e até qualquer hora!

 

Anna Carla

Mãe, advogada e blogueira. Amo gatos, plantas e vida simples. Escrevo por prazer.

Comente