dica de mãe, vida simples

Independência para os filhos, liberdade para os pais

Na medida em que os filhos vão crescendo e adquirindo alguma independência ficamos mais livres.

Se eu soubesse disso antes talvez tivesse optado por um quarto montessoriano, assim desde bem pequenos meus filhos teriam experimentado independência mais cedo.

Fonte da imagem: Pinterest
Fonte da imagem: Pinterest

Comer sozinha, vestir-se sozinha, preparar um sanduíche ou escovar os dentes parecem coisas bastante simples mas para crianças inicialmente é uma dificuldade.

O segredo é estimular a criança, com carinho e atenção que aos poucos ela vai se envolvendo cada vez mais com estas atividades cotidianas.

A ansiedade é uma inimiga nessas horas, cuidado! Mães ansiosas dificultam a criança a tornar-se independente porque tendem  a fazer tudo por ela, aquilo que ela poderia tentar fazer sozinha, a sua maneira.

Minha dica é, inicie as atividades com mais antecedência e permita seu filho tentar. Escovar os dentes ou comer um prato de macarronada pode acabar em uma lambança de creme dental ou molho de tomate mas pode valer a pena!

Este é o meu Joaquim, aos  2 anos e meio, comendo sozinho no Restaurante Liliana, foto do meu Instagram pessoal.
Este é o meu Joaquim, aos 2 anos e meio, comendo sozinho no Restaurante Liliana, foto do meu Instagram pessoal.

Crianças independentes relacionam-se melhor com as pessoas e com o mundo, por isso, na menor manifestação de interesse da criança em fazer algo sozinha, devemos incentivar ao invés de querer fazer tudo por ela.

Foto Elena Shumilova, fonte: Pinterest
Foto Elena Shumilova, fonte: Pinterest

Uma vez que você permitiu seu filho a tentar nada de cobranças, muito menos de exigir perfeição! Isso pode colocar tudo a perder, lembre-se, filhos independentes pais mais livres 😉

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros “old school” que blogam por amor.

Gostou deste post? Então veja esses aqui:

Todo mundo pode fazer tudo

E seu filho? Foi convidado para alguma festa de Halloween?

Como fazer a doação de brinquedos sem drama

Anna Carla

Mãe, advogada e blogueira. Amo gatos, plantas e vida simples. Escrevo por prazer.

Comente