cotidiano, vida simples

“O sol há de brilhar mais uma vez”

Hoje é um divisor de águas, a fronteira entre o passado e o futuro.
Meu pai costumava dizer que dia 31 é dia de renovar a esperança, é dia de lembrar que a gente não deve desisitir, é dia de acreditar que amor pode prevalecer apesar de existirem por aí uma “cambada de fdp” hahaha, esse era o meu pai. Saudades infinitas do Maneco! E no dia 31 sempre fica mais intenso porque ele ia pessoalmente na feira, experimentava as frutas antes de comprar porque tinham que ser muito doces para trazer doçura pro ano novo. Comer lentilhas na virada, segurar folhas de louro e outras “mandingas” que ele inventava, e tudo dava sempre certo. Talvez porque ele estava lá ou porque ele com seu jeito especial não deixava a esperança dormir no ponto.
Compartilho com vocês uma das canções preferidas do meu pai, que ele sempre cantarolava nos dias 31 de sua vida desde que em lembro ser gente, música essa que que se tornou uma das minhas preferidas também.
Que em 2013 o AMOR SEJA ETERNO NOVAMENTE!
Feliz fronteira, feliz passagem, feliz ano todo.
Abraço fraterno.

Anna Carla
Mãe, advogada e blogueira. Amo gatos, plantas e vida simples. Escrevo por prazer.

Comente