cotidiano

Que bacana!

Acho muito bacana quando vejo uma pessoa mudar para melhor.

E quando sinto que contribui um pouquinho para esta mudança é muito gratificante!

Na nova função que exerço tenho essa possibilidade, de abrir um horizonte novo para as pessoas que me procuram.

Tem pessoas que chegam a mim tímidas, falando baixinho, meio sem graça e então coloco diante dela as possibilidades que ela terá de ganho financeiro e de crescimento pessoal. E quando este acontece, muito mais do que o ganho financeiro, faz esta pessoa feliz e isto não tem preço, nem para elas, nem para mim!

Ainda pouco fui deixar um recadinho na página pessoal de um site de relacionamento de uma revendedora da minha equipe e,  para minha surpresa aquela mocinha tímida, com poucos amigos se tranformou numa mulher alegre, cheia de amigos, e com muitas mensagens de agradecimento de clientes e amigos em sua página de recados, sejam estes pelo bom atendimento, pela boa companhia na visita de vendas, ou elogios aos produtos.

Outro dia perguntei a uma candidata a revendedora (esta pergunta é praxe e tem algumas respostas de multipla escolha previstas no formulário):

“Qual é o seu objetivo como revendedora Avon?”,

E ela me respondeu: “Melhorar meu relacionamento interpessoal”.

Tive que assinalar a opção “outros” no formulário.

Ah, e nestes casos a “grana” vem fácil como uma linda conseqüência desta felicidade em realizar um bom trabalho.

Anna Carla
Mãe, advogada e blogueira. Amo gatos, plantas e vida simples. Escrevo por prazer.

Comente