cotidiano
E era preciso estabelecer uma rotina.
Algo que a retirasse daquele carrossel parado, talvez um café forte ajudasse.
Como é que isso tinha acontecido?
Como pode alguem tão apaixonado e interessante se esvaziar quase que por completo?
Se foram as ambições, os interesses e tudo que lhe era apaixonante perdeu a cor e o sentido.
O que fazer agora?
Sem dúvida, é preciso estabelecer uma rotina.
Anna Carla
Mãe, advogada e blogueira. Amo gatos, plantas e vida simples. Escrevo por prazer.

Comente